Gideon Santos é empossado vereador; Júlio Campanha se licencia e deverá assumir pasta no executivo

Por | 18/06/2018

Prefeito municipal, Ney Santos, e vereador por São Paulo, Alessandro Guedes, prestigiam posse de Gideon
Foto:Alexandre Oliveira / CMEMBU

A sessão desta quarta-feira, dia 13, foi marcada com a posse do novo vereador Gideon Santos do Nascimento, que assumiu a cadeira de vereança no lugar de Júlio Campanha, que deverá assumir a pasta da Cultura no executivo municipal. 2º suplente a vereador pelo PRB, Gideon tomou posse após o primeiro suplente, Dedé Souza, também se licenciar do posto. Presente na sessão de posse do novo parlamentar, o prefeito municipal, Ney Santos, destacou o trabalho de Gideon e a aliança formada para sua ascensão ao cargo. Dedé deverá assumir a pasta de adjunto da Secretaria de Trabalho e Emprego. Na ordem do dia os vereadores aprovaram 3 indicações e uma moção de repúdio.


Com a presença do prefeito municipal, Ney Santos, amigos e familiares, Gideon Santos do Nascimento assumiu a cadeira de vereador no lugar do colega de partido (PRB), Júlio Campanha, que se licenciou para assumir a pasta de Cultura no executivo municipal. Antes de ser empossado pelo presidente da Casa, Hugo Prado, Gideon acompanhou o discurso emocionado do amigo, Dédé, que cedeu sua suplência “por um bem maior”, como disse em seu pronunciamento. Na tribuna, Dedé destacou a importância do papel de um vereador no município e agradeceu o apoio que recebeu para tomar essa decisão.


“É um momento muito difícil estar aqui na frente sendo empossado. Parece que essa tribuna tem um poder mágico. Agradeço a Deus pela oportunidade de estar aqui hoje, de me deixar participar. Gostaria de me dirigir a um público extremamente especial. Um público de 1.326 pessoas [número de sua votação em 2016] que saíram de suas casas e depositaram nas urnas seu voto e sua credibilidade naquilo que eu iria representar a elas. Sonhos que sonhamos juntos e sentar aqui foi marcante”, disse Dedé em trecho de seu pronunciamento após solicitar licenciamento do cargo.

Empossado, Gideon Santos também se emocionou ao declarar estar realizando um sonho. “É um sonho, tanto meu como de minha família do Nordeste e daqui. Quero agradecer ao nosso senhor Jesus Cristo, que me concedeu esse grande momento da minha vida e também ao meu irmão e amigo, Hugo Prado, presidente desta Casa. A nossa relação de amizade, muitos acham que é só política, mas não é somente isso não, é família”, disse Gideon emocionado em seu discurso de posse.


Sob o olhar do prefeito, Ney Santos, Gideon disse que será mais um “soldado” no legislativo municipal. “Quero agradecer meus 1.202 votos. Moro aqui há 10 anos no mesmo lugar, no mesmo local. Muitos falavam que eu tinha mudado, saído, mas eu continuo no mesmo lugar, no bairro Jd. Silvia”, disse.


Após sua fala foi lido o termo de posse e cedido a palavra ao vereador por São Paulo, Alessandro Guedes. “Hoje é um grande prazer da Casa Rosada, e eu venho aqui falar em nome do nosso coletivo. Você que é fundador da Casa Rosada, que deixou muitas saudades na zona leste quando veio pra cá, más a zona leste de uma certa forma perdeu, mas entendeu que quem estava ganhando era a cidade de Embu das Artes com seu trabalho. Desenvolveu grandes trabalhos na cidade que te rendeu essa oportunidade de estar nessa cadeira hoje”, disse Guedes em apoio ao novo vereador do município.


Em sua fala, o prefeito municipal, Ney Santos, destacou o caminho percorrido por Gideon até sua posse no legislativo municipal. “Eu não gostava de política e não era político. Saí a candidato a deputado federal logo de cara e perdi. Eu não ganhei a eleição e refleti. 43 mil votos é um Pacaembu lotado. Eu não ganhei a eleição, mas fui vitorioso. E Deus criou aquilo para abençoar e hoje me tornei prefeito da cidade onde fui nascido e criado. Deus não me queria deputado, ele me queria prefeito da cidade. Então, o que aconteceu com você e o que está acontecendo com você nesse momento, é o que aconteceu comigo lá atrás e é o que acontece com muita gente. Os sonhos de Deus para nós sempre são maiores do que o nosso”, disse Ney Santos ao mencionar o caminho percorrido por Gideon até sua posse, na manhã dessa quarta-feira, dia 13.

Ordem do Dia

Na ordem do dia os vereadores aprovaram 3 indicações. De autoria do vereador Bobilel Castilhos, é solicitado ao executivo municipal a implantação de uma academia pública de ginástica no bairro do Jd. Santa Clara. O vereador também indicou ao governo municipal melhoria da sinalização de trânsito da entrada do bairro Santa Clara, às margens da Rodovia Régis Bittencourt, facilitando seu acesso.

De autoria do vereador Índio Silva foi indicado ao executivo municipal a implantação de pavimento asfáltico na Rua Botucatu, no Jd. Dom José.
A vereadora Dra. Bete apresentou uma moção de repúdio em respeito a Medida Provisória 841 de 2018 expedida pela presidência da república tratando sobre a retirada de recursos do Esporte para direcioná-lo à Segurança.
Bete salientou que investir no Esporte é também combater a violência, atuando de maneira eficaz na Segurança Pública. Os vereadores aprovaram a matéria.



IMAGENS DA SESSÃO

 

19º SESSÃO - 2018




(Assessoria de Comunicação – CMEMBU)

Comentários

Nenhum comentário até o momento