Vereadores aprovam programa “Cidadania nas Escolas” como incentivo a formação político-social dos alunos

Por | 15/08/2019

Vereadores lamentaram o falecimento da mãe do parlamentar Edvânio Mendes, no último domingo.
Foto:Alexandre / CMEMBU

Na sessão desta quarta-feira, dia 14, os vereadores aprovaram o programa “Cidadania nas Escolas”, de autoria do vereador Gideon Santos, permitindo que a prefeitura promova palestras sobre noções de direito, cidadania e política aos alunos. Os vereadores também autorizaram ao executivo captar recursos para obras de infraestrutura no município junto a Caixa Econômica Federal (CEF). Por meio de um requerimento, os parlamentares também solicitaram que a Secretaria da Mulher passe a atender em plantões “24h”, inclusive aos finais de semana.

Buscando aprimorar a educação municipal e garantir maior engajamento dos alunos aos assuntos do município, o vereador, Gideon Santos, aprovou o PL que institui o programa “Cidadania nas Escolas”, permitindo assim que a pasta da Educação busque parcerias com instituições e entidades da sociedade civil para promover palestras sobre direitos e garantias fundamentais, noções de cidadania e, até mesmo, política nas escolas.

Na ordem do dia os vereadores aprovaram um requerimento e o projeto de lei autorizativo 103/2019, permitindo que o executivo municipal participe do programa “FINISA – Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento”, com possibilidade de captação de recurso na ordem de R$ 30 milhões. "Infelizmente, se a cidade hoje não fizer isso, nós iremos ficar estacionados. E o que a população espera de nós é uma ação. Nós fomos eleitos para trazer solução", enfatizou o vereador Ricardo Almeida.

Para os vereadores Luiz do Depósito e Índio Silva, o empréstimo será necessário para manter o ritmo de obras de infraestrutura na cidade.

"É importante saber que nós estamos aqui para governar o que nós temos. Nós temos um problema sério de buracos na nossa cidade e por isso eu vou votar a favor", disse o vereador Luiz do Depósito.

"Eu vou na mesma linha que o vereador Luiz do Depósito. Eu voto a favor, até porque a nossa cidade está precisando que sejam reparadas algumas situações. Importante é ser sanado os problemas", reforçou o vereador Índio Silva

O presidente da Câmara citou a idas do prefeito municipal, Ney Santos, e de alguns vereadores a Brasília na tentativa de desburocratizar repasses de verbas ao município. Ele também citou a importância desse recurso para obras de infraestrutura na cidade. “Desde o início do nosso mandato nós não temos medido esforços para ir a Brasília, ao governador do Estado, captar recursos para serem investidos na nossa cidade. Acho que exemplo desse esforço é a obra da rotatória [no Parque Pirajuçara]. Durante anos o povo daquela região esperava pelo asfalto novo na Avenida Rotary, com implementação de nova iluminação, bem como aquela rotatória que acabou com o trânsito local. A CEF está abrindo uma linha de crédito de R$ 11 Bilhões para todos os municípios brasileiros poderem fazer esse tipo de financiamento e investir em infraestrutura urbana. O que nós aprovamos é a autorização para que o prefeito possa viabilizar a vinda desse recurso”, disse o presidente do legislativo, Hugo.

Ainda como destaque da sessão ordinária, os vereadores Luiz do Depósito e Bobilel Castilho aprovaram um requerimento que solicita ao executivo municipal manter em funcionamento 24h e sete dias por semana as atividades da Secretaria da Mulher no município em formato de plantões.

“Em menos de 6 meses já foram mais de 11 mil atendimentos pela Secretaria. E essa ampliação de horário vem de encontro a situação da cidade, que está em combate contra a criminalidade sofrida pelas mulheres”, disse o vereador Luiz do Depósito.

 

Ordem do Dia

 

O vereador Índio Silva aprovou um Projeto de Lei que denomina a praça entre as Ruas Ibiúna e Estrada de Itapecerica a Campo-Limpo, como “Praça da Família”, no Jd. Santo Eduardo. Índio também aprovou a concessão de dois Títulos de Cidadão Embuense na sessão. Um dos títulos será concedido ao professor de Jiu-Jitsu, Silvano Soledade. Ele possui um projeto social, Guerreiros de Gideão, que atualmente auxilia mais de 130 crianças no bairro Dom José. O vereador também concedeu o Título de Cidadão Embuense ao professor de Jiu-Jitsu Claudio Rubens Félix, que mantém o Projeto “Guardiãs Kids- LSF”. Ele também ensina a prática do Jiu-Jítsu, beneficiando crianças, jovens e adultos na cidade. Índio e o presidente da Câmara, Hugo Prado, também indicaram ao executivo municipal a reforma da escola Maria Josefina Azteca, no bairro Jd. taima.

Como indicação o vereador Joãozinho da Farmácia solicitou ao executivo municipal a manutenção do asfalto da Estrada Louis Pasteur e a Rua João Dico, no bairro Santo Antônio.

João também indicou a regularização da área cercada pelas Ruas Caqui, Avenida Hercílio Wustemberg, Parreira e Rua da Esperança, no bairro Jd. Pinheirinho, além da oficialização e regularização dos nomes das Ruas, bem como a criação de “numeração social” para as residências instaladas nessa área. Ele também solicitou a regularização fundiária dos imóveis.

 

O vereador Bobilel Castilho indicou ao executivo municipal a reforma da escola municipal Antonia Augusta Delphina De Moraes, no Jd. Santo Eduardo; implantação de iluminação nas vielas Elishaba, Santo Expedito, Malconshel e travessa Nelson Mandela, Na Rua Bonfiglioli, no Jd. Santa Tereza; Implantação de uma Base Comunitária da GCM próximo a pista de caminhada estre as Ruas Idalina Fernandes Cavalheiro e Tomás Antonio Gonzaga, no Jardim Independência; troca de iluminação nas Ruas Trapézio e Zurique, no Jd. Casa Branca; e instalação de rede de água encanada na alameda tucano, no bairro Fazenda Atalaia.

 

O vereador Gerson Olegário indicou a substituição de postes e troca de lâmpadas amarelas por lâmpadas com coloração branca na pista de caminhada localizada nas Ruas Tomás Antônio Gonzaga e Idalina Fernandes Cavalheiro, no Jd. Independência. Gerson também indicou a revitalização da pista de caminhada com adequação da calçada, grama e iluminação. O vereador também indicou a implantação de iluminação pública na Rua Emília do Rego Vieira, no Jd. Nossa Senhora de Fátima.

 

Luto

 

Na sessão os vereadores se contristaram com a notícia da morte da mãe do vereador Edvânio Mendes, Sra. Maria Mendes dos Santos, que faleceu no último domingo, dia 11, aos 83 anos de idade. Um minuto de silêncio foi dado em respeito ao falecimento.

Os vereadores também lamentaram a morte de Tarcísio Medina, filho do ex-presidente da Câmara e um dos emancipadores do município, Manoel Medina. A Câmara chegou a publicar uma nota em respeito a morte de Tarcísio. Leia aqui.

 

 

(Assessoria de Comunicação).

ATIVIDADES

INSTITUCIONAL

IMPRENSA

  • cme.comunicacao@gmail.com
  • Telefone: (11) 4785-1568 Ramal 227/242
  • Coordenador de Comunicação: Alexandre Oliveira
  • Jornalista Assessor de Comunicação: Adilson Oliveira
  • Assessora de Comunicação: Gabriela Rocha
  • Estagiário: Matheus Lima Silva
  • Arquivo Fotográfico: Flick